RETIRO KAIRÓS

O Retiro Kairós (tempo de Deus), aconteceu nos dias 14 e 15 de abril, no Sítio Dom Bosco, localizado em Jarinu onde Padre Helio Espínula, missionários do GAM, educadores e educandos do CEDESP e CCA PROVIM, estiveram presentes.

  No primeiro momento, os educadores iniciaram com uma oração de boas vindas. Logo após tiveram uma formação com o diácono Bruno Calderaro, que aprofundaram a passagem da Samaritana, que é o tema da estreia desse ano “Dai-me dessa água”. Após o momento, uma espécie “deserto” foi proposta aos educandos, pelos espaços do sítio para refletir sobre a passagem bíblica.

 

Após a pausa para o almoço, os jovens fizeram um momento de lectio divina (leitura orante), para aprofundamento do evangelho de João 4. Em seguida, foi proposto pelos educadores, a elaboração do projeto de vida com quatro dimensões: eu comigo mesmo, eu com Deus, eu com a sociedade e eu com a igreja; na qual deveriam se posicionar como estão esses quatro eixos hoje e como eles pretendem modificar esses itens a médio e longo prazo.

 

 Já para o final da tarde, foi proposto um “encontro com Deus”, eles foram vendados e levados até o santíssimo para o momento de adoração. No momento da noite, foi um momento de integração entre os jovens, onde aconteceu um luau com muitas músicas e o mais adorado pelos jovens: guloseimas. A noite ainda não estava encerrada, os educandos realizaram ainda uma espécie de caça ao tesouro pelo sítio inteiro, onde a equipe azul foi a vencedora, encerrando assim as atividades.

 

Já no domingo, não diferente do sábado, iniciou-se com uma oração, em seguida, a última formação com o tema: “Intimidade com Deus”. E o fechamento do momento do retiro teve a Santa Missa ao ar livre. Foi feito uma avaliação e partilha dos momentos vividos. Para finalizar, almoço e tarde livre para os jovens antes de retornarem.

“Bom antes de falar sobre como foi maravilhoso vivenciar o Retiro Kairós, tenho que dizer como me sentia antes dele. Estou em um momento de decisões, escolhas, entendimentos e a impaciência, ansiedade e a pressa para resolver tudo rápido nos domina nessas horas. 

Quando recebi o convite para participar do Kairós, fiquei curioso e surpreso, pois não o esperava e parece que Deus teve todo o cuidado de me mostrar nesse retiro o significado desse Kairós em cada parte. Fui para o retiro um pouco mais tarde que os outros, devido a um compromisso em outra obra social e com isso inicialmente fiz uma nova amizade com o educador Hedpo, com quem até então nunca tinha conversado e em nossa ida a troca de experiência me fez refletir sobre a importância do esperar e ir aos poucos compreendendo as coisas e vivendo os momentos. Depois, já no retiro posso destacar dois momentos em especial que me chamaram a atenção, sendo eles o caça ao tesouro e a formação sobre nossa relação com Deus. No caça ao tesouro pude perceber, através da brincadeira, que existem vários momentos em nossas vidas que nos exigem a força, o pensamento, a dedicação, à vontade, a união e o trabalho em grupo para alcançar as nossas metas e assim como as pistas da brincadeira nos aproximavam do nosso objetivo, na vida real Deus é esse guia e através do contato com Ele, temos essas "pistas" para seguir o melhor caminho em direção aos nossos objetivos. A formação sobre a nossa relação com Deus, foi um momento de descoberta e reencontro, pois consegui refletir que Deus está em mim, nas minhas ações, maneira de viver, falar, me relacionar e a partir daí pude ter esse reencontro, não tendo ele de uma forma tão longe, como chego a pensar às vezes. E essa reflexão me fez entender que o tempo de Deus tem que ser o meu tempo também, que devo confiar, buscar, entender as situações da vida, do meu dia a dia e seguir até as minhas metas e objetivos, pois o Deus que vive em mim estará sempre comigo e me mostrará esse caminho”. Declarou Allan Silva, educando de logística manhã.

 

“14 de abril de 2018,estava eu, preparado para mais um retiro. Porem vendo o mesmo de uma forma diferente do comum. Era o primeiro retiro depois de passar por diversos problemas. Ao perceber que estava de fato dentro daquilo, me retirei do mundo externo e pude me dedicar totalmente ao momento. Colocar em prática uma reflexão profunda com Deus, e sair de lá uma pessoa totalmente diferente. E ao descobrir a definição da palavra grega "Kairós", pude então perceber que em meu subconsciente eu estava preparado para isso. Era o momento oportuno que Deus preparou de se aproximar de mim. Era ali o Kairós sendo aplicado. Era simplesmente o fato de estar se entregando a todo o evento e estar cada vez mais próximo de um objetivo no qual era estar mais próximo daquele que bate à porta do nosso coração, pra nos mostrar uma nova perspectiva. Viver esse retiro foi uma experiência única: chegar sem conhecer ninguém, e sair de lá repleto de amigos novos. Refletir profundamente e meditar sobre como se tornar uma pessoa melhor, e após uma sucessão de problemas enxergar novamente a aquarela de Deus em nossas vidas. Sem sombras de dúvidas, o retiro que passou foi o Kairós para a renovação em minha vida”. Concluiu, Rayce Dantas, voluntário do Instituto Dom Bosco - Bom Retiro.

Texto: Comunicação e Marketing IDB  | Fotos: Instituto Dom Bosco

  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle
  • Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle

Praça Coronel Fernando Prestes, 233

Fone (11) 3329-7999 

Bom Retiro - São Paulo - SP

CEP 01124-060

Cadastre-se e receba nossas notícias

© 2015 Instituto Dom Bosco - Bom Retiro. Todos os direitos reservados